Campagnolo apresenta Projeto de Combate à Violência Institucional Contra Criança e Adolescente

Matéria foi apresentada durante sessão ordinária e tem por objetivo resguardar os direitos dos alunos catarinenses no âmbito escolar

Durante a sessão ordinária da última quinta-feira (26/08), a deputada estadual Ana Campagnolo (líder bancada PSL) apresentou um projeto de lei de sua autoria, o PL 310.1/2021, que pretende levar para a sala de aula o assunto da violência institucional contra o estudante. O projeto institui no calendário oficial a semana escolar estadual de combate à violência institucional contra crianças e adolescentes, a ser realizado entre os dias 08 a 14/08 anualmente.

O objetivo é informar sobre os limites éticos da profissão do educador para diminuir episódios como esse ocorrido em Criciúma, segundo a deputada. “Queremos que o espaço escolar seja um espaço de ética, onde as normas estabelecidas sejam respeitadas, com conteúdos livres de ideologias, respeitando o pluralismo de ideias, auxiliando crianças e adolescentes no reconhecimento de sua vulnerabilidade diante do professor, além de alertar os pais também sobre o direito dos seus filhos, distribuindo materiais informativos e conscientizar professores sobre suas obrigações, direitos e deveres no exercício da função", explicou.

Na ocasião, a deputada ainda repercutiu o caso de um professor da rede municipal de Criciúma que exibiu um vídeo a alunos do 9º ano da disciplina de artes com conteúdo considerado erótico e impróprio por parlamentares. Campagnolo exibiu uma manifestação do prefeito, Clésio Salvaro, anunciando a exoneração do professor. Campagnolo parabenizou o gestor pela ação “rápida e certeira”.

PROJETO 0310.1/2021

Altera o Anexo lI da Lei nº 17.335, de 2017, que "Consolida as Leis que dispõem sobre a instituição de datas e festividades alusivas no âmbito do Estado de Santa Catarina", para Instituir a Semana Escolar Estadual de Combate à Violência Institucional Contra a Criança e o Adolescente.

Sobre

Eleita com 34.825 votos pelo PSL como a Deputada Estadual mais jovem de Santa Catarina e única mulher conservadora do parlamento. É itajaiense, professora de História e pós-graduada em Literatura Portuguesa. Autora do livro: "Feminismo — Perversão e Subversão".

Contato

(48) 3221-2686

(48) 99695-5600

ana@alesc.sc.gov.br

Rua Dr. Jorge Luz Fontes, 310,
Centro, Florianópolis - SC,
88020-900

Redes Sociais